unstable world

(Fonte: chapstyk, via brisadejah)

Anônimo asked: Tia , conta alguma história ?

derpet:

era uma vez mariazinha, um dia mariazinha se apaixonou por Joãozinho, eles tinham apenas 9 anos de idade quando se conheceram, brincavam bastante, ate que um dia mariazinha disse que amava joaozinho e que queria casar com ele. Então eles se tornaram namoradinhos de infância, brincavam de casinha e de familia juntinhos, eram tão fofinhos. Um dia joaozinho se mudou e deixou mariazinha sozinha, ela ficou bastante triste, mas com um tempo se acostumou e levou uma vida normal. A mãe de mariazinha sempre quis ter um menino, por isso tratava a mesmo como um. Nunca deixava mariazinha usar vestidinho, e ela so pegava as bonecas escondido da mãe. Na adolescência mariazinha se tornou lésbica, já que nenhum garoto queria namorar com uma menina que se vestia de homem e tinha cabelo curto. Certo dia mariazinha conhece uma menina muito gostosa com peitos fartos e loira. Mariazinha decide investir na gostosona que se chamava Joana e começa com seu xaveco surpreendente e envolvente até que a mulher dos seios fartos a agarra com força e lhe mete um beijo. As duas tiveram um romance muito lindo, porém mariazinha decidiu esperar e seguio o exemplo da mãe, só perderia a virgindade depois do casamento. Como as duas já estavam apaixonadas mariazinha pediu joana em casamento e ela aceitou. O casório foi lindo, muitas flores e muita pompa, a mãe da mariazinha estava orgulhosa por ver a filha casar com uma mulher, e imaginava o filho que nunca teve. Na lua de mel mariazinha foi beijando Joana e tirando sua roupa, até que tirou sua calcinha e sentiu o grande volume que se encontrava la. Mariazinha se assustou e perguntou “oque é isto?” Joana chorando respondeu: “eu ia te contar antes amorzinho, eu juro, mas vc me pediu logo em casamento e eu decidi esperar. Na verdade eu sou um travesti, sempre gostei de meninos e vc foi a segunda menina que eu gostei na vida”. Mariazinha furiosa respondeu: “Como assim Joana? QUEM ERA ESSA OUTRA NA SUA VIDA?” Joana soluçando de chorar respondeu: ” quando eu ainda era menino eu namorei com uma menina que conheci na antiga rua que morava, o nome dela também era Maria, mas infelizmente nos separamos e eu nunca mais a vi”. Mariazinha chorando de emoção abraçou Joana e respondeu: “Eu sabia que um dia iria te encontrar novamente, te amo e sempre te amei meu João”. Então os dois se abraçaram forte e prometeram nunca deixar o outro, então foram felizes para todo o sempre.

alguem me traz um lencinho? acho que minhas glândulas lacrimais estão trabalhando no momento

th3greenvalley:

Eu que não bebo, pedi um conhaque pra enfrentar o inverno que entra pela porta que você deixou aberta ao sair…

th3greenvalley:

Eu que não bebo, pedi um conhaque pra enfrentar o inverno que entra pela porta que você deixou aberta ao sair…

"A dor muda as pessoas dependendo da sua intensidade"
- Lua   (via recordada)

(Fonte: luamoonchloe, via recordada)

(via sappatao)